face twitter youtube

Após consistente pressão, governo decide manter agências do INSS fechadas até 19 de junho

0
0
0
s2smodern

1

 

Foi publicada no Diário Ofícial da União desta sexta-feira, 22 de maio, a Portaria Conjunta n° 17, do INSS e do Ministério da Economia, em que o governo decide prorrogar até o dia 19 de junho o fechamento das Agências da Previdência Social (APS). Esta é uma vitória para a categoria, que só foi possível com a pressão da Fenasps, e de seus sindicatos filiados, e do Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (Fonasefe).

 

Por meio deste último, foram protocolados requerimentos, na última sexta-feira, 15, solicitando que seja mantido o isolamento social não apenas no INSS, mas em todo o serviço público, preservando as vidas dos(as) trabalhadores(as) de várias categorias do funcionalismo federal.

 

Trabalho consistente da Fenasps

Com a manutenção do fechamento das agências até o dia 19 de junho, esta já é a terceira prorrogação do governo, cuja previsão inicial de reabertura das agências era 4 de maio, e que depois de uma pressão consistente, fora prorrogada para esta sexta, 22 de maio, também novamente postergada.

 

No último ofício protocolado ao INSS com a solicitação da prorrogação do prazo para reabertura das APS, em 11 de maio, a Fenasps ressaltou que "os(as) servidores(as) do INSS têm justificáveis motivos para estarem preocupados(as) com a reabertura das agências da Previdência Social porque nestes locais de trabalho concentram-se milhares de pessoas, a maioria delas na faixa de 60 anos ou mais, que tanto podem ser transmissoras, como estar expostas à contaminação pela Covid-19, em pleno ciclo crescente da pandemia". Àquela época, o país tinha 165 mil infectados e 11.123 óbitos, número que quase dobrou em apenas uma semana.

 

Naquele mesmo ofício, a Fenasps destacou que o governo Federal apontava que, mesmo em quarentena, desde a segunda quinzena de março, mais de 500 servidores públicos, de várias carreiras, tiveram confirmação de contágio pela Covid-19, e tinha convicção de que dezenas destes são do INSS. "É possível imaginar a tragédia que isso significaria se não fossem tomadas as medidas protetivas do isolamento social?", questionou a Fenasps no documento.

 

A decisão de prorrogar o fechamento das agências do INSS até 19 de junho é, sem dúvidas, uma vitória no combate à Covid-19, mas a luta continua! A FENASPS continuará acompanhando a evolução do contágio e não se furtará em reivindicar do governo a manutenção do isolamento social pelo tempo que for necessário!

 

A VIDA ACIMA DOS LUCROS! 

 

Esta nota também foi publicada no Blog do Servidor, do Correio Braziliense. Confira aqui.

Setor de Diversões Sul (SDS) • Edifício Venâncio V
Loja 28 • Térreo • CEP: 70393-904 • Brasília-DF

Telefone: (61) 3226-7214 • Fax: (61) 3226-7285
Email: imprensa@fenasps.org.br

face twitter youtube
© 2015 FENASPS. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Whebersite